Brasil duplica número de transações no setor farmacêutico

TTR-Deal-Tracker

TTR Deal Tracker
www.TTRecord.com

BRASIL

 O TTR Deal Tracker Brasil é um email mensal que contém tendências do mercado transacional  brasileiro, além de incluir um ranking  Year to Date (YTD) dos principais assessores jurídicos e financeiros.

Intralinks® Deal Flow Predictor

Nossa previsão trimestral de tendências futuras no mercado global M&A
Previsão da atividade global de M&A durante o 2º trimestre de 2016

BRASIL: Duplica número de transações no setor farmacêutico

No período de janeiro a março de 2016 o número de transações envolvendo a aquisição de participação em empresas da indústria farmacêutica, apresentou um aumento de 117%  se comparado ao mesmo período de 2015, segundo os dados do TTR (www.TTRecord.com).

Além disso também foi registrado um aumento das aquisições de participações em empresas brasileiras por empresas estrangeiras neste setor, já que foram registradas 8 transações deste tipo em 2016 e 5 no mesmo período de 2015.

Rankings / League Tables

Brasil Ranking – 2016

Assessoria Financeira – Year to Date (YTD)

O Banco Itaú BBA lidera o ranking TTR de assessoria financeira, elaborado com base nos dados dos três primeiros meses de 2016, com sete mandatos de assessoria que juntos somam USD 1,3bi. O líder deste ranking também liderou o ranking do mesmo período do ano passado com 11 transações assessoradas que soman USD 4,2bi, representando uma redução de 36% no número de transações e 70% no valor agregado. O Banco BTG Pactual subiu da terceira posição para a segunda no ranking em relação ao ano passado, assessorando seis transações com valor total de USD 1,3bi frente as cinco com valor total de USD 7,6bi no ano anterior. O Banco Bradesco BBI desceu da segunda para a terceira posição no ranking, com três transações que somam USD 489m, comparadas com as cinco do ano anterior que somavam USD 9,1bi. A Ártica Investimentos, na quarta posição, também atuou como assessor em três transações neste primeiro trimestre do ano, neste caso os valores envolvidos não foram divulgados. No ano passado a Ática não esteve entre os 10 primeiros do ranking de assessoria financeira no primeiro trimestre de 2015, o mesmo ocorreu com a BR Partners, que no primeiro trimestre deste ano está na quinta posição do ranking com dois mandatos de assessoria que somam USD 951m. A Vinci Partners, na sexta posição, também atuou em duas transações neste primeiro trimestre de 2016, o que permitiu ganhar uma posição no ranking em relação ao mesmo período do ano passado. O valor total das transações assessoradas pela Vinci Partners aumentou em 1.187%, de USD 22m em 2015 para USD 277m no 1T2016. A Moelis & Company, em sétimo, também atuou em duas transações no Brasil no 1T2016 que soman USD 247m. O banco de investimentos norte-americano não esteve entre os 10 primeiros do ranking no 1T2015. O BAML, Banco de Portugal e Barclays Bank, em oitava, nona e décima posição, respectivamente, atuaram em uma transação cada um no Brasil neste primeiro trimestre de 2016, nenhum deles esteve entre os dez primeiros no ranking do primeiro trimestre de 2015.

Assessoria Jurídica – Year to Date (YTD)

O Souza Cescon Advogados lidera o ranking TTR de assessoria jurídica, elaborado com os dados do primeiro trimestre de 2016, com 15 mandatos de assessoria cujo valor total é de USD 2bi. O escritório líder do ranking aumentou em 36% o número de transações assessoradas em relação ao mesmo período do ano anterior, quando assessorou 11 transações cujo valor total foi de USD 3,6bi. O TozziniFreire está na segunda posição do ranking com 12 mandatos de assessoria que somam USD 322m, representando um aumento de 50% no número e um decréscimo de 44% no valor total registrado, USD 570m, nos três primeiros meses de 2015. O Pinheiro Neto Advogados subiu da sétima para a terceira posição no ranking no 1T2016, ao assessorar 10 transações que somam USD 1,5bi, valor 461% maior do que o registrado no mesmo período de 2015. O escritório Mattos Filho, Veiga Filho, Marrey Jr. e Quiroga Advogados desceu duas posições no ranking, tendo assessorado quatro transações a menos e um valor total de transações 92% inferior ao valor registrado em 1T2015 que foi de USD 7,8bi. O Stocche, Forbes, Padis, Filizzola, Clapis, Passaro, Meyer e Refinetti Sociedade de Advogados está na quinta posição do ranking com 10 mandatos de assessoria, depois de não haver estado entre os 10 primeiros do ranking em 1T2015. O escritório Machado, Meyer, Sendacz e Opice Advogados, foi o primeiro do ranking em 1T2015, porém neste 1T2016, desceu para a sexta posição, com uma redução de 47% no número de transações e 85% no valor total. O Lefosse Advogados, em sétimo, não esteve entre os 10 primeiros do ranking no ano passado. O Barbosa, Müssnich, Aragão desceu da quarta posição em 1T2015 para a oitava em 1T2016, com uma redução de 96% no valor total. O Derraik & Menezes Advogados está na nona posição com sete transações assessoradas e Lobo & de Rizzo com seis, nenhum dos dois escritórios esteve entre os 10 primeiros no ranking dos três primeiros meses de 2015.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *